>_Empacotador tar 1.1

Empacotador TAR

O programa TAR, cujo nome vem de “tape archiver”, realiza a tarefa de concatenar todos os arquivos e diretórios preservando as informações do filesystem.
Está ferramenta poderá ser utilizada em conjunto com os compactadores como gzip ou bzip2.
Forma de utilização do TAR
# tar [operações/opções] f [arquivo_tar] [arquivo-de-entrada] parâmetros:[operações] – podem ser:

-c = cria arquivos tar
-r = adiciona (concatena) conteúdo a um arquivo tar
-x = extrai o conteúdo de um arquivo tar
-t = lista o conteúdo de um arquivo tar
-P = usa o caminho absoluto
-u = avisa o que está fazendo
-f = arquivos

[opções] – pode ser:

-v = verbose tar
-z = utilizar com compressão gZip, tanto no criação como na extração de um arquivo tar
-j = utilizar com compressão bZip2, tanto na criação como na extração de um arquivo tar
-Z = utilizar com compressão compress, tanto na criação como na extração de um arquivo tar
[arquivo_tar] é o nome do arquivo tar sob o qual se está trabalhando. Deve ser precedido pela letra f de file.
[arquivo-de-entrada] listagem dos arquivos que serão adicionados ao arquivo tar.

Exemplos:
1
Usando o comando TAR com caminho absoluto para o empacotamento
(note que estou usando o c que é = criar)
2
3

1
usando o TAR como o caminho absoluto para o desempacotamento

(note que estou usando o parâmetro x que é = extrair)

2

3

>_Empacotador tar 1.1
Tagged on:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: