>_Quota

Quota

O espaço em disco pode ser restringido através da implementação de quotas de disco, que alerta o administrador do sistema antes que o usuário consuma muito espaço em disco ou uma partição fica cheia.

As quotas de disco podem ser configuradas para usuários individuais, bem como grupos de usuários. Isso torna possível gerenciar o espaço alocado para arquivos específicos do usuário. Além disso, as quotas podem ser definidas não só para controlar o número de blocos de disco consumido, mas para controlar o número de inodes(estruturas de dados que contém informações sobre arquivos em sistema de arquivos UNIX). Porque inodes são usados para conter informações relacionadas ao arquivo, isso permite o controle sobre o número de arquivos que podem ser criados.

Vamos ao tutorial

Configurando quota de disco

Para implementar as quotas de disco, use os seguintes passos:

  • Habilite quotas por sistema de arquivos, modificadno o arquivo /etc/fstab
  • Remonte o sistema de arquivos
  • Crie os arquivos de banco de quotas e gere a tabela de uso do disco
  • Atribua as políticas de quotas

1 – Ativando quota em disco

vim /etc/fstab

dentro do sistema de arquivo que você queira usar quota, habilite inserindo as linhas usrquota e ou  grpquota

 2 – Após adicionar o usrquota e ou grpquota, remonte cada sistema de arquivo cuja entrada fstab tenha sido modificado. Se o sistema de arquivos não está em uso por qualquer processo, use um dos seguintes métodos.

  • Digite  o comando umount seguido do comando mount para remontar o sistema de arquivos.
  • Digite  o comando mount -o remount [file-system]
  • Se o sistema de arquivo está atualmente em uso, o método mais fácil para remontar o sistema de arquivos é reiniciando o sistema operacional

3 – Criando quota

Depois e cada quota habilitada no sistema de arquivos, o sistema é capaz de trabalhar com quotas de disco. No entanto, o próprio sistema de arquivos ainda não está pronto para suportar quotas. O próximo passo é executar o comando quotacheck

O Comando quotacheck examina quotas que estão habilitadas no sistema de arquivos e cria uma tabela do uso corrente do disco por sistema de arquivos. Além disso, os arquivos do sistema de arquivos de quota de disco são atualizados.

Para criar os arquivo do quota (aquota.user e aquota.group) no sistema de arquivos, use a opção -c do comando quotacheck

A opção -c específica que os arquivo de quota deve ser criado para cada sistema de arquivos com quotas ativas, a opção -u específica para verificação de quotas de usuários e a opção -g específica para verificação de quotas de grupo.

Se nem a opção -u ou -g forem específicas, somente o arquivo de quota do usuário será criado. Se somente a opção -g é específicada, apenas o arquivo de quota do grupo será criado

Depois que os arquivos são criados, execute o seguinte comando para gerar a tabela de uso de disco atual por sistema de arquivos com quotas habilitadas.

quotacheck -avug

  • a – verfica todas as quotas habilitadas
  • v – exibe informações de status detalhado
  • u – usuário verifica as informações de quota de disco
  • g – grupo verifica as informações de qutoa de disco

4 – Atribuindo quota por usuário

O último passo é atribuir as quotas de disco com o comando edquota

Para configurar a quota para um usuário, como root abra um terminal e execute o comando

edquota usuário

edquota grupo

A primeira coluna é o nome do sistema de arquivo que tem uma quota habilitada para ele. A segunda coluna mostra quantos blocos o usuário está usando no momento. As próximas duas colunas são usadas para definir limite de blocos soft e hard (soft é o limite de blocos /  hard e o  limite extra de blocos) para o usuário no sistema de arquivos. A coluna inode mostra quantos inodes que o usuário está usando no momento atual. As duas últimas colunas são usadas para definir os limites rígidos e flexíveis de inodes para o usuário no sistema de arquivos.

O limite de bloco de disco rígido(hard) é a quantidade máxima absoluta de espaço em disco que um usuário ou grupo pode usar. Uma vez que este limite é atingido, nenhum espaço em disco poderá ser utilizado

O limite de bloco de disco leve(soft) define a quantidade máxima de espaço em disco que o usuário ou grupo pode usar. No entanto, ao contrário do limite rígido(hard), o limite leve(soft) pode ser ultrapassado por um determinado período de tempo. Esse tempo é conhecido como período de carência. O período de carência pode ser expresso em segundos, minutos, horas, dias, semanas ou meses.

5 – Definindo o período de carência para soft e hard

Para definir o tempo de “graça” para blocos e inodes, basta usaro o comando edquota -t

Enquanto outros comandos edquota operam para um determinado usuário ou grupo, o opção -t funciona para todos os arquivos, usuário ou grupos com quotas ativas.

6 – Gerenciando quotas de disco

Se as quotas são implementadas, elas certamente precisaram de manutenção, principalmente sob a forma de prestar atenção para ver se as quotas forem excedidas. Para isso existem uma série de comandos para realizar a manutenção.

É possível desativar as quotas com o comando

quotaoff -Vaug

É possível também ativar as quotas com o comando

quotaon -Vaug

 Para criar um relatório do uso do disco é possível usar o comando repquota

repquota [file-system]

Para verificar as quotas de usuário o grupo

quota -uv usuário

quota -gv grupo

 Para um melhor entendimento sobre esse tópico, recomendo que leia também o post “Quota – Administrando Usuário”.

“Que Deus ilumine nosso caminhos””

>_Quota
Tagged on:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: