>_RedHat Cluster – Configurando o arquivo cluster.conf – 1.2

Nesta segunda parte do tutorial, vamos configurar o arquivo cluster.conf nas máquinas virtuais centos1 e centos2.
Seguindo o cenário do tutorial 1.1 temos dois servidores físicos ambos com 2 máquinas virtuais cada.

Nó de Gerenciamento

Neste passo, vamos precisar de um terceiro servidor físico para administrar o Cluster. Este servidor servirá apenas para administrar e delegar os recursos entre os membros do Cluster. Toda a administração será realizada pela interface Web.

Veja exemplo:

Servidor srvdell1.tgl.com.br
VM – centos1.tgl.com.br
VM – centos3.tgl.com.br

Servidor srvdell2.d2d.com.br
VM – centos2.tgl.com.br
VM – centos4.tgl.com.br

Nó de Gerenciamento
Servidor Físico 192.168.1.15

fence_virt1

Mão-na-massa

Nas Máquinas virtuais centos1 e centos2 instale os pacotes abaixo:

#  yum groupinstall "High Availability" "Resilient Storage" -y
#  yum install fence-virtd-checkpoint device-mapper-multipath ipvsadm cluster-snmp iscsi-initiator-utils -y
# passwd ricci
# service ricci start
# chkconfig ricci on
# chkconfig cman on

Nó de gerenciamento

No servidor de gerenciamento instale o pacote luci

# yum install luci
# chkconfig luci on
# /etc/init.d/luci start

Acesse a interface web do luci.

https://192.168.1.15:8084
User: root
Pass: Senha do root

1
Captura de tela de 2013-06-03 15:32:25

2

Captura de tela de 2013-06-04 11:25:493

Criando o primeiro Cluster (centos1 e centos2)
Nome do Cluster: Cluster_FS

Insira os hostname de cada servidor (centos1.tgl.com.br centos2.tgl.com.br) utilize a senha ricci que foi definida no momento da instalação da suite RedHat Cluster. Siga como o exemplo abaixo selecionando as opções.

Captura de tela de 2013-06-04 18:11:204

Captura de tela de 2013-06-04 18:12:475

Configurando o Fence. Selecione a opção Fence Devices

Captura de tela de 2013-06-04 18:12:566

Em Add Fence Devices, selecione Fence_virt ( Multicast Mode)
Insira o Name do primeiro Nó do Cluster (centos1.tgl.com.br)

Captura de tela de 2013-06-04 18:13:187

Em Add Fence Devices, selecione Fence_virt ( Multicast Mode)
Insira o Name do segundo Nó do Cluster (centos2.tgl.com.br)

Captura de tela de 2013-06-04 18:13:368

Captura de tela de 2013-06-04 18:13:459

Novamente a aba Nodes, selecione o Nó centos1.tgl.com.br

Captura de tela de 2013-06-04 18:14:2010
Selecione Add Fence Method

Captura de tela de 2013-06-04 18:14:2511
Em Add Fence Devices Instance, selecione o Nó centos1.tgl.com.br e logo abaixo defina o Domain exatamente igual a saida do comando virs list. No meu exemplo estou usando o FQDN centos1.tgl.com.br

Captura de tela de 2013-06-04 18:14:4312

Captura de tela de 2013-06-04 18:14:5613

Captura de tela de 2013-06-04 18:15:0714

Em Add Fence Devices Instance, selecione o Nó centos2.tgl.com.br e logo abaixo defina o Domain exatamente igual a saida do comando virs list. No meu exemplo estou usando o FQDN centos2.tgl.com.br

Captura de tela de 2013-06-04 18:15:2415

Captura de tela de 2013-06-04 18:15:3516

Logue no Nó centos1.tgl.com.br e entre no arquivos /etc/cluster/cluster.conf conforme exemplo abaixo

Captura de tela de 2013-06-04 18:16:1217

A estrutura do arquivos deve estar parecida como exemplo abaixo

Captura de tela de 2013-06-04 18:16:1518

Alterando a estrutura do arquivo:

Em fencedevice faça as seguintes alterações seguindo o modelo abaixo, cuidado com esta alteração ela pode afetar diretamente no Cluster.

<fencedevices> <fencedevice agent="fence_xvm" key_file="/etc/cluster/fence_xvm_srvdell1.key" multicast_address="225.0.1.12" name="centos1.tgl.com.br"/> <fencedevice agent="fence_xvm" key_file="/etc/cluster/fence_xvm_srvdell2.key" multicast_address="225.0.2.12" name="centos2.tgl.com.br"/> </fencedevices>

Captura de tela de 2013-06-04 18:18:1419
Copie o arquivo para o outro Nó do Cluster (centos2.tgl.com.br)

Captura de tela de 2013-06-04 18:18:4620
Novamente no luci na aba Nodes, selecione os Nós e de um reboot

Captura de tela de 2013-06-04 18:19:1421

Captura de tela de 2013-06-04 18:19:1622
Definindo o Failover Domains

Captura de tela de 2013-06-04 18:20:5623
Siga exatamente igual o exemplo abaixo
OBS: Quanto menor a prioridade maior será a responsabilidade

Captura de tela de 2013-06-04 18:21:1624
Definindo o Resources

Captura de tela de 2013-06-04 18:21:3525
Escolha Ip Address e siga os passos abaixo

Captura de tela de 2013-06-04 18:21:5326

Captura de tela de 2013-06-04 18:22:0527
Na aba Service Groups selecione Add

Captura de tela de 2013-06-04 18:22:1428
Em Service Name – Crie o IP-Virtual conforme exemplo abaixo. Em seguida selecione a Add Resource

Captura de tela de 2013-06-04 18:22:2529
Adicione o Seervice Group já criado (IP) Siga como o exemplo abaixo

Captura de tela de 2013-06-04 18:22:3330
Pronto configurado. Neste momento o IP-Virtual deverá estar ativo e em produção

Captura de tela de 2013-06-04 18:23:2731
Faça os testes, desligue forçadamente o Nó centos1.tgl.com.br e se tudo correr bem o IP-Virtual deverá ser iniciado no Nó centos2.tgl.com.br

Captura de tela de 2013-06-04 18:23:35

 

>_RedHat Cluster – Configurando o arquivo cluster.conf – 1.2
Tagged on:
%d blogueiros gostam disto: